Regras bem definidas são o NÃO que você não sabe dizer.

A realidade que ninguém te conta, quando você se lança no universo canino como um profissional, é que por mais amor aos animais que você tenha, as contas não são pagas com amor, a sua vida e as suas demandas pessoais não precisam ser descartáveis e você não precisa estar sempre em segundo plano.

Amor ao trabalho é obviamente um catalisador de energia para entregarmos mais resultados, independente da via pela qual decidimos nos embrenhar.

IN Dog workshops

Alguns optam pela aptidão ao ensino, outros ao entretenimento e recreação, outros aos cuidados veterinários, outros ao transporte, outros a hospedagem e por aí vai. A questão é que nós trabalhamos com animais mas prestando serviços para pessoas.

  • Do que você já abriu mão por atender de última hora um cliente numa demanda que ele considera emergencial?
  • Quantas contas você já atrasou por não receber os valores acordados nas datas certas?
  • Quantas horas a mais você já trabalhou por amor, por empenho mas sem remuneração?
  • E por quanto tempo você prestou serviço pra um cliente inadimplente sem justificativa real para suspender o pagamento dos seus serviços?

O trabalho com cães é de certa forma bastante emocional, isso nos diferencia das grandes corporações e suas tratativas estritamente profissionais com os clientes, mas o nosso trabalho não deixa de ser um negócio.

IN Dog workshops

E ser um prestador de serviços para animais de estimação que tem regras de negócio bem definidas, não é pecado. Nem contra lei.

A sua vida, em perspectiva com as demais vidas com as quais você trabalha, também é uma necessidade real que não te torna um criminoso por estabelecer limites e horários para os seus atendimentos, suporte a distância e as infinitas mensagens via whatsapp.

Tenha em mente quais regras são necessárias para que você desempenhe com alegria o seu trabalho, o seu trabalho é definido por você, você é o maestro!

Estabeleça uma relação clara com todos os seus clientes desde o primeiro atendimento.

E de forma objetiva apresente num contrato físico ou num e-mail as regras de prestação de serviço e como você conduzirá o trabalho no período em que aquele cliente e o cachorro dele estiverem com você.

Seja coerente com as suas próprias regras e as cumpra você também.

Essa é uma forma previa, educada e bastante profissional de dizer todos os "nãos" que você não tem coragem de falar no decorrer do processo, seja por medo de perder o cliente e ter impacto financeiro, seja por uma dificuldade pessoal sua.

No IN Dog Experience dedicamos um tempo para falar sobre regras do negócio e como isso tem um impacto direto nos resultados e no indicador da nossa qualidade de vida.

Tenha em mente que um cliente esclarecido e de acordo com as regras do jogo será o seu maior parceiro na jornada.

Comment

Erika Cristina

Muitos de vocês não conhecem bem a Erika e nem fazem ideia do tamanho da responsabilidade que ela tem por trás do trabalho do Matilhando, por isso, hoje vou tentar fazer um resumo de quem ela é, o que ela representa e como ela contribui de forma crucial para o IN Dog.

Erika é geração Y e a personificação da palavra pluralidade. Vem de uma carreira de comunicação, marketing e conteúdo digital, administrando e estruturando a presença de marcas na internet e em redes sociais. Em comunicação, Erika atuou também na área de T&D para uma gigante dos cosméticos, multiplicando conteúdo e aplicando treinamento para gerentes de setor em território nacional.

No Matilhando a Erika é o planejamento, quem está por trás da marca, estruturação de conceitos, quem define com o Roberto as ações digitais e estratégias para os diferentes perfis de pessoas que compõem as redes sociais do negócio.

É a Erika o alicerce de comunicação com os clientes, sendo responsável pela administração do website, redes sociais, agenda de atendimento, programação de reabilitação, cursos e consultoria, planejamento financeiro e gerenciamento diário dos clientes do Day Care.

Além disso, a Erika também foi ganhando o seu espaço dentro do trabalho de modificação comportamental com os cães, desenhando com o Roberto a estrutura e hoje assumindo parte do programa Puppy Class, direcionado à educação de filhotes e integração no contexto doméstico e social.

Em 2017, Erika encarou o desafio de tornar técnica a sua habilidade natural de cuidado com os animais e se certificou em auxiliar veterinário, tornando o seu trabalho no Matilhando ainda mais completo, aprimorando a sua característica cuidadora que todos acreditam ser vocacional.

Mas tem mais! A Erika também faz parte do processo de criação e desenvolvimento de conteúdo, sempre buscando novas ideias, estudando o mercado e compartilhando informações educativas diariamente através de redes sociais e projetos de consultoria de negócios.

Vamos falar um pouco sobre ela no lado pessoal; Erika é filha de uma enfermeira (o cuidado vocacional vem de família!) e um caminhoneiro. Nascida no nordeste brasileiro, e embora criada na cidade de São Paulo, mantém consigo a característica do povo a quem ela gosta de chamar de seu: a simplicidade.

Humanitária, amante da vida, cresceu rodeada de bichos, e sempre se inspirou na avó materna, de quem acredita que herdou o amor por todos os animais. Na infância/adolescência Erika chegou a resgatar, tratar e adotar diferentes espécies, incluindo uma ninhada de ratos e duas pombas, tal qual a avó que curiosamente também adotava todos os bichos, incluindo uma capivara chamada Mulherzinha, histórias essas que a mãe da Erika adora contar sobre a filha que sonhava em ser oceanógrafa.

Erika também é mulher, esposa e mãe dedicada, e apesar de todas as responsabilidades da empresa ela consegue dedicar tempo para a família, equilibrando as atividades e dando suporte à quem mais precisa dela.

E por falar em suporte, porque não mencionar aqui o tempo dedicado ao suporte emocional que a Erika provê para os clientes, especialmente quando falamos de clientes de reabilitação e hospedagem. Esse é um processo que envolve profundamente as famílias, com momentos de altos e baixos. Nessa fase existe quase que um trabalho terapêutico a ser feito no lado humano para garantir que a reabilitação e estadia dos cães flua de forma harmoniosa, e é claro, a Erika está sempre ali para motivar, orientar e ajudar no que for preciso.

Daria para escrever um texto longo sobre a Erika, mas a intenção aqui é apresenta-la melhor para que vocês possam começar a conhecer essa super mulher.

Atualmente, além de todas as suas funções, Erika dedica tempo a projetos sociais, ao trabalho voluntário, ações de empoderamento feminino e desenha o seu próprio projeto social para crianças.

Erika vai colaborar aqui no nosso blog com alguns textos e também vai participar ativamente nos workshops trazendo toda a sua visão de mundo, experiência, criatividade e conteúdos valiosos para o desenvolvimento pessoal e profissional das nossas turmas.